História do Factoring
 

A palavra FACTORING é formada pela radical "FACTOR", cuja origem etmológica vem do Latim do substantivo do verbo "FACERE", que significa fazer.

Portanto, "FACTOR" era o "FAZEDOR" de negócios dos romanos, ou seja, o Agente Mercantil. A figura de agente mercantil já é conhecida desde os primórdios da civilização para desenvolver o comércio, que naqueles tempos se baseavam na troca de mercadorias, ou escambo, que mais tarde evoluiu para a promessa de entrega das mercadorias e pagamento. Assim, a troca de ativos (bens e direitos) que atualmente consiste num dos pontos essenciais da atividade de Factoring já era praticada desde a época mais remota da civilização.

Os Fenícios, após dominarem o comércio no Mediterrâneo, chegaram à Península Ibérica e, no século VIII A.C, estabeleceram na região de Portugal um centro comercial que era chamado de "Factoria".

As Factorias dos Fenícios tinham como objetivo colocar seu agente mercantil no mercado de destino para desenvolver o comércio e reduzir o risco de crédito.

Da mesma forma, os Romanos que conquistaram um enorme império, nomeavam um "FACTOR" nas terras conquistadas como consultor do negócio, que normalmente era um próspero comerciante conhecido na região que cuidava de todos os aspectos do negócio, tais como: fornecimento de informações comerciais, armazenamento de mercadorias, cobrança e para tanto recebia uma remuneração pelos serviços prestados.

A prestação de serviços de gestão de negócios é outro ponto essencial na atividade atual de Factoring.

O Factoring moderno consiste na prestação de serviço conjugado com aquisição de direitos creditórios e surgiu nos Estados Unidos, em 1808, quando um próspero Factor que prestava serviços à algumas indústrias têxteis passou a comprar os direitos creditórios das vendas por elas efetuadas.

Atualmente, o Factoring é praticado em quase todo o mundo, principalmente na Itália. Em Maio de 1988 , o Brasil participou da convenção diplomática de Otawa, da qual 53 países foram signatários sobre o tema de Factoring.

No Brasil, o Factoring teve início em 1982 juntamente com a criação da ANFAC – Associação Nacional de Factoring, presidida desde a sua origem pelo Sr. Luiz Lemos Leite, ex-diretor do Banco Central do Brasil e auto didata na temática de Factoring, que nos ensinou a quase totalidade da história do Factoring aqui relatada.

Segundo os dados da Anfac o setor movimentou recursos da ordem de 18 bilhões em 1997, atendendo cerca de 50.000 pequenas e médias empresas, garantindo a existência de 500 mil empregos diretos e indiretos.

  Mais informações: